Programa Internet para Todos 2019

Internet para Todos – Sem dúvida, a internet representa um dos meios de comunicação mais relevantes da atualidade. Assim, torná-la mais aberta à população é garantir o acesso a um dos direitos humanos básicos. Por isso, o Governo criou o Programa Internet para Todos, para facilitar o acesso à internet dos

Mirando nisso, o MCTIC (Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações) elaborou o Internet para Todos, um programa que se caracteriza por visar à democratização da banda larga. Por isso, concluímos que seria importante trazer alguns pontos sobre essa iniciativa no artigo de hoje!

Internet para Todos 2019

Internet para Todos 2019

Programa Internet para Todos 2019

Como assinalado acima, o Internet para Todos tem a finalidade de difundir o acesso à internet.

Para isso, o MCTIC se compromete em ceder isenções e regalias aos provedores que proporcionarem serviços por preços acessíveis. As empresas que são parceiras do programa, por exemplo, têm a vantagem de fazer uso do SGDC, um satélite que foi lançado em 2017 pelo Governo e que oferece uma internet de custo mínimo.

Veja também outros benefícios disponibilizados pelo Governo:

Como Funciona o Programa Internet para Todos?

Embora seja patrocinado pelos cofres públicos, o Internet para Todos não é gratuito. Contudo, são ofertados preços bem inferiores aos valores usuais, de maneira que as pessoas de baixa renda, como participantes do Bolsa Família 2019, também possam fazer uso desse meio de comunicação.

Observação: Vale evidenciar que organizações públicas, como hospitais e instituições de ensino, possuem direito à gratuidade no programa, não devendo desembolsar qualquer quantia para utilizá-lo.

Adesão do Município

Para conseguir administrar o Internet para Todos, o MCTIC definiu que cada prefeitura é a responsável por trazer o programa ao seu município.

Desse modo, as localidades que possuem interesse no benefício devem, antes de tudo, requerer a adesão a ele. Apenas quando essa requisição é aprovada que se pode iniciar a construção e a instalação da torre que captará o sinal do satélite utilizado.

Além disso, também é necessário que o município interessado em adotar o programa se disponha a arcar com os gastos da antena de interceptação, uma vez que o objetivo da iniciativa é baratear ao máximo o custo das empresas provedoras e, consequentemente, diminuir os valores dos serviços que elas oferecem.

Como se Inscrever?

Como o Internet para Todos é recente, ainda não há uma plataforma que reúna todas as suas informações.

Então, quem deseja usufruir dos preços proporcionados pelo programa deve contatar a administração do seu município e verificar se o mesmo já adotou o benefício. Caso a prefeitura ainda não tenha feito isso, é interessante ter atenção às novidades da cidade, já que novas localidades são incluídas constantemente na lista de favorecidos.

Quem tem Direito ao Internet para todos?

Apesar de o Internet para Todos ser voltado às pessoas quem possuem um acesso limitado à comunicação, o programa não impôs restrições quanto a quem pode se inscrever nele.

Portanto, desde que o município esteja na lista de contemplados, qualquer um de seus habitantes pode requisitar o benefício e fazer uso de uma banda larga de qualidade e de baixo custo.

Outras Dúvidas

Para outras informações a respeito do Internet para Todos e sobre os demais programas administrados pelo MCTIC, pode-se contatar a ouvidoria do ministério, telefonando para o número (64) 2033-8522.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Leave a Reply