Tabela INSS 2019: Novos Valores, Tabela ATUALIZADA 2019

A tabela INSS 2019 é o calendário de pagamentos que os aposentados recebem do Governo depois que deixam de trabalhar. O dinheiro da Tabela INSS 2019 serve para que essas pessoas, tenham uma mínima condição de se sustentar, depois que param de trabalhar e perdem e renda dos seus empregos.

O dinheiro obtido por cada aposentado vem de acordo com um cálculo, o qual, leva em consideração o tempo de trabalho, por quanto tempo a pessoa contribui, a idade que ela se aposentou, entre outros fatores, que juntos, dão a tabela INSS 2019.

Tabela INSS 2019

Tabela INSS 2019 – Calendário de pagamentos INSS

Novas regras do INSS 2019

Só lembrando que o INSS 2019 teve uma série de mudanças, que fizeram parte do plano de ajuste fiscal do Governo do ex-Presidente Michel Temer. O pagamento da tabela foi ajustado, juntamente com o de outros benefícios, como o calendário PIS 2019, e o calendário do Bolsa Família 2019.

Lembrando ainda que a contribuição máxima que o INSS paga aos trabalhadores é de 4.663,75, isso caso a pessoa cumpra uma série de requisitos, os quais, nem sempre são fáceis de serem alcançados, como idade mínima de trabalho, de aposentaria e taxa de contribuição feita.


INSS 2019

Em 1990 o Governo Federal criou o Instituto Nacional do Seguro Social – INSS, e atualmente ele é um órgão de responsabilidade do Ministério da Previdência Social.

A função desse órgão é realizar o recolhimento de uma taxa de salário do trabalhador, sendo essa recolhida para os trabalhadores de carteira assinada.

Com esse recolhimento será possível realizar o pagamento dos aposentados. O INSS ainda realiza o pagamento de outros benefícios, como:

  • Décimo Terceiro Salário;
  • Pensão por Morte;
  • Salário Maternidade;
  • Reabilitação Profissional;
  • Salário Família;
  • Auxílio Acidente;
  • Auxílio Doença;
  • Entre Outros.


Direito em Receber o INSS 2019

É preciso saber se todos os trabalhadores seguem os requisitos do órgão, entenda melhor abaixo:

Pensão por Morte

  • O tempo de duração do benefício varia de acordo com a quantidade de contribuições do falecido, entre outros fatores.
  • Na data do óbito o falecido devia possui qualidade de segurado do INSS.

Auxílio Doença

  • No dia da perícia médica do INSS é preciso ter documentos do seu tratamento, como relatórios, exames, etc;
  • Se for esse o caso: comunicar o seu acidente de trabalho;
  • Documento com foto que identifique o requerente e o número do CPF;
  • Declaração assinada e carimbada pelo empregador, informando o último dia de trabalho do empregado;
  • Para o trabalhador rural, pescador e lavrador é preciso fornecer documentos que comprovem a situação, como contratos, declaração de sindicato, etc;
  • Documentos que comprovem o pagamento do INSS, como carnês de contribuição, carteira de trabalho, etc.

Regra para Proporcional

  • 180 meses trabalhados;
  • Idade mínima para homem de 53 anos e mulher 48 anos;
  • 30 anos de contribuição para homem;
  • 25 anos de contribuição para mulher;
  • Tempo toral de contribuição.

Regra com 30/35 anos de contribuição

  • Tempo total de contribuição;
  • 180 meses trabalhados;
  • Não tem idade mínima;
  • 30 anos de contribuição para mulher;
  • 35 anos de contribuição para homem.

Aposentadoria por Tempo de Contribuição

  • 180 meses trabalhados;
  • Regra 85/95 progressiva;
  • Soma de idade + tempo de contribuição;
  • 95 anos para homem;
  • 85 anos para mulher;
  • Não tem idade mínima.

Tabela INSS 2019: Calendário de pagamentos do Benefícios

Além das mudanças ocorridas na tabela de contribuição de valores do INSS – que sará abordada abaixo – ainda existe a tabela de pagamentos de benefícios do INSS, que é alterada todos os anos, definindo a datas de pagamentos dos benefícios aos segurados pela previdência.

Tabela INSS 2019

Tabela INSS 2019 – Calendário de Pagamentos do INSS 2019

Existem duas tabelas oficiais:

  1. A primeira que contém as datas de pagamento para benefícios de valor de um salário mínimo;
    TABELA DE PAGAMENTO DE BENEFÍCIOS 2019
    Final Para benefícios de até 01 salário mínimo
    Dez/2018 Jan/2019 Fev/2019 Mar/2019 Abr/2019 Mai/2019 Jun/2019 Jul/2019 Ago/2019 Set/2019 Out/2019 Nov/2019 Dez/2019
    1 20/12 25/1 22/2 25/3 24/4 27/5 24/6 25/7 26/8 24/9 25/10 25/11 20/12
    2 21/12 28/1 25/2 26/3 25/4 28/5 25/6 26/7 27/8 25/9 28/10 26/11 23/12
    3 26/12 29/1 26/2 27/3 26/4 29/5 26/6 29/7 28/8 26/9 29/10 27/11 26/12
    4 27/12 30/1 27/2 28/3 29/4 30/5 27/6 30/7 29/8 27/9 30/10 28/11 27/12
    5 28/12 31/1 28/2 29/3 30/4 31/5 28/7 31/7 30/8 30/9 31/10 29/11 30/12
    6 2/1 1/2 1/3 1/4 2/5 3/6 1/7 1/8 2/9 1/10 1/11 2/12 2/1
    7 3/1 4/2 7/3 2/4 3/5 4/6 2/7 2/8 3/9 2/10 4/11 3/12 3/1
    8 4/1 5/2 8/3 3/4 6/5 5/6 3/7 5/8 4/9 3/10 5/11 4/12 6/1
    9 7/1 6/2 11/3 4/4 7/5 6/6 4/7 6/8 5/9 4/10 6/11 5/12 7/1
    0 8/1 7/2 12/3 5/4 8/5 7/6 5/7 7/8 6/9 7/10 7/11 6/12 8/1
  2. A segunda, paga em data diversa, para benefícios com valor acima de um salário mínimo.

Alíquotas do INSS 2019

Para se ter direito ao INSS 2019, é preciso pagar um valor mensal ao Governo, que é determinado no início de cada ano, pela Presidente, junto com o Ministro da Economia, para o ano de 2019.

Tabela para Empregado, Empregado Doméstico e Trabalhador Avulso 2019
Salário de Contribuição (R$) Alíquota
Até R$ 1.751,81 8%
De R$ 1.751,82 a R$ 2.919,72 9%
De R$ 2.919,73 até R$ 5.839,45 11%

Devido as mudanças no INSS 2019 já citadas, essa taxa também acabou sendo alterada e muita gente acabou optando pela previdência privada, por ser mais lucrativa e menos burocrática. Para quem pensa em pegar o a previdência do Governo, algumas das taxas propostas são as seguintes:

  • Para trabalhadores, os quais, recebem um salário de até R$ 1.751,81 a alíquota será de 8%
  • Já para quem ganha entre R$ 1.751,82 e R$ 2.919,72, a taxa a ser paga ao Governo visando o benefício do INSS é de 9% e para os trabalhadores que ganham entre R$ 2.919,73 até R$ 5.839,45 a taxa sobe para 11%.
  • Qualquer salário que seja acima de R$ 5.839,45 vai pagar o teto da contribuição que é de R$ 570,88.

Se for parar para pensar, é injusto alguém que ganhe R$ 20.000 paga a mesma quantidade do que alguém que ganhe R$ 5.000. Mas essa infelizmente ainda é a regra do INSS no Brasil, que impõe esse teto para salário acima de 4663,75. Lembrando que essas taxas são pagas todos os meses, logo que o trabalhador recebe o seu salário.

No início do ano, também é informado o quanto o benefício do INSS é reajustado para os segurados da Previdência Social e no ano de 2019 esse reajuste foi de em 11,28%, em cima do benefício recebido.

Para quem quiser mais informações sobre o pagamento do INSS e suas alíquotas, basta deixar um comentário abaixo que teremos prazer em responder.


Consulta Novos Valores INSS 2019

Através da página da Previdência Social é possível ter informações sobre o INSS. Sendo um processo gratuito que pode ser feito da seguinte maneira:

  • Acesse o site através do link;
  • Preencha com as informações, como nome do beneficiário, CPF, data de nascimento;
  • Informe o código de segurança;
  • Por fim, clique em “Visualizar”.
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Leave a Reply